Skip to content

Janeiro 19, 2010

Paisagem in loco é o título do projecto colectivo de arte contemporânea em exposição no Centro Cultural Emmerico Nunes. Ema M, Rui Macedo, Teresa Palma e Rodrigo Bettencourt da Câmara focam o seu olhar sobre Sines para apresentarem um conjunto de obras de carácter place-specific. O lugar como resultado da soma do espaço físico, da sua história e das suas vivências, é tomado como instância determinadora e determinante na produção deste projecto artístico.

A cada lugar o seu particular modo de actuação articulada: do modus operandi ao número de obras, da escala (tanto do que é representado como do que está apresentado) à técnica; tudo o que, na sua essência, a obra é e  tudo o que compõe esta exposição, depende das particularidades do lugar onde se apresenta.

Neste projecto, a obra é considerada como o resultado de uma conexão de inter relacionamento transtextual com o que a rodeia, tomando como ponto de partida a história e o edifício do Centro Cultural bem como a própria cidade onde este está implantado. Também a especificidade do território alentejano se define aqui como Paisagem de referência. Os quatro artistas tomam a cidade de Sines como Astro que circunscreve e objectiva as possíveis interpretações das obras, aproximando o diálogo entre obra e lugar.